Cadastre o seu E-mail e receba as nossas notícias

domingo, 21 de agosto de 2011

Aprenda o ofício, mas não subestime o conhecimento trivial

Mais uma pesquisa confirma: há vagas de emprego sobrando no Brasil e faltam trabalhadores aptos a ocupá-las. A Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN) conversou com 607 empresas de todo o país para descobrir como andam as contratações. 53% das empresas não conseguiram preencher as novas vagas.O que falta aos candidatos? Antes, falava-se muito em falta de instrução e de nível superior. Agora, as demandas aumentaram. Além de estudar o ofício, você precisa ter habilidades que deveriam ser banais, como interpretar textos, fazer contas e saber se relacionar. Não vale enfiar a cara nos livros e se esquecer de trabalhar em grupo. Os consultores de recursos humanos já fazem o apelo. Ter bom comportamento vale tanto para o operário como para o aspirante a presidente.



Confira mais resultados do levantamento:

Entre as empresas que conseguiram preencher suas vagas (47%  das que participaram da pesquisa), 65% se queixam de que os profissionais contratados desempenham suas funções de forma razoável, e não complemente satisfatória
O que mais falta aos trabalhadores são competências e características comportamentais. Como saber trabalhar em grupo e saber se portar como líder. Em segundo lugar, entre as queixas dos empregadores, está a falta de experiência. Só em terceiro aparece a carência de formação profissional. Em quarto, as empresas esperam por empregados que aceitam o valor do salário que lhes é proposto. Por último, que tenham nível de instrução adequado.


JULHO 12, 2011
DANIELLA CORNACHIONE

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Mais Notícias

Faça o seu marketing

Entrevista de seleção

Dicas para um currículo campeão

RH Notícias com Manoela Rufino © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO